ABRAÃO REENCARNOU COMO PEDRO, O APÓSTOLO DE JESUS

A-História-de-Abraão
O Rei Salomão, conforme o Espírito Áureo descreveu no livro Universo e Vida, editado pela FEB, foi Abraão, um dos sublimados Espíritos de um orbe da Capela, que renunciou à promoção para Sírius, um mundo mais aperfeiçoado, a fim de acompanhar os degredados de seu planeta, na Terra, que, nessa época, era mundo primitivo, conforme a classificação didática feita por Allan Kardec.
Após Salomão, esse Gênio Espiritual, reencarnou como Simão Bar Jonas, o amoroso apóstolo Pedro.
No repositório de sabedoria amealhada, o apóstolo Pedro declarou em sua 1ª epístola, capítulo 4, versículo 8, uma frase semelhante à afirmação anterior como rei Salomão: Acima de tudo, porém, tende amor intenso uns para com os outros, porque o amor cobre multidão de pecados.
Muitos autores citam os discípulos de Jesus como analfabetos, por desconhecerem a lei da reencarnação, que proporciona a sabedoria, graças à repetição das experiências nobres nas multifárias existências do espírito rumo à suprema felicidade.
Os discípulos foram escolhidos por Jesus em vista da bagagem espiritual enriquecida nos caminhos do amor e da sabedoria.
Em sua maioria, aparentemente, eram pescadores humildes de informação e conhecimento. Gente do povo, para a missão de implantar com Jesus, a segunda revelação da Lei de Deus, na Terra – a Lei de Amor. Entretanto, eram sábios em sua transcendental vivência.
Escreve Áureo, no livro supracitado, que Isaac, o filho legítimo de Abraão com Sara, reencarnou, na esteira do tempo, como profeta Daniel e, a seguir, como João Evangelista, o discípulo amado, assim denominado, porque muito amava.
Se Isaac, filho de Abraão, reencarnou como João, e Abraão reencarnou como Pedro, logo, Pedro havia sido pai de João em existência passada, e, ambos, eram médiuns de alta potencialidade.

RECOMENDAMOS

COMO SÃO ALGUNS ESPÍRITOS QUE ESTÃO REENCARNANDO.

CONHEÇA OS 12 APÓSTOLOS DE JESUS

LEONARDO DA VINCI E AS VIDAS SUCESSIVAS